Categorias
Celular e smartphone Lançamentos

Galaxy A22 chega ao Brasil com tela Super AMOLED de 90 HZ

Celular intermediário de baixo custo da Samsung chega ao Brasil com câmera quádrupla de 48 MP e tela Super AMOLED de 90 Hz

A Samsung anunciou o Galaxy A22 oficialmente no Brasil e iniciou as vendas do celular nesta segunda-feira, 26. A versão 4G da série tem algumas poucas diferenças para o Galaxy A32 e, por enquanto, preço alto. Será que vale a pena? Veja o preço e a ficha técnica completa do dispositivo a seguir.

Galaxy A22: tela Super AMOLED de 90 hz

  • TelaSuper AMOLED 6,4" HD
  • PlataformaHelio G80
  • RAM/Armazenamento4/128 GB
  • Dimensões e peso159,3 x 73,6 x 8,4 mm, 184 g
  • Bateria5.000 mAh
  • Câmera48 MP + 8 MP + 2 MP + 2 MP
  • Selfie13 MP

A tela do Galaxy A22 não fica devendo a nenhum de seus concorrentes. Começando pelo fato de ter painel Super AMOLED, que finalmente parece começar a popularizar e chegar a mais modelos “de entrada”. Isso significa cores mais vivas e, o mais importante, brilho mais alto que a maior parte dos celulares com tela LCD.

O celular tem display de 6,4 polegadas com taxa de atualização de 90 Hz, assim como o Galaxy A32, porém traz resolução HD+ (720 x 1600 pixels), em vez do Full HD (1080p) usado no modelo mais caro. Isso pode ser bom, pois libera o processador gráfico de tarefas muito pesadas, o que pode ajudar a entregar mais fluidez. E a alta taxa de atualização deve poder, de fato, ser aproveitada aqui.

Galaxy A22: 4 GB de RAM e 128 GB de armazenamento

Galaxy A22 tem tela Super AMOLED (Divulgação/Samsung)

No quesito hardware, o novo intermediário barato da Samsung traz o processador Helio G80, também presente no Galaxy A32. Trata-se de uma plataforma de 12 nanômetros com processador de oito núcleos, separado em dois mais potentes de 2,0 GHz Cortex-A75 e outros seis mais eficientes de 1,8 GHz Cortex-A55, além da GPU Mali-G52 MC2. Segundo testes de benchmarks, o chipset equivale ao Snapdragon 662.

O Galaxy A22 chegou ao Brasil com bastante memória, sendo 4 GB de RAM, que devem dar conta de um uso que transita entre o mais simples e algo um pouco mais exigente. O armazenamento de 128 GB é suficiente para guardar bastante tranqueira e instalar alguns aplicativos. Se for necessário, dá para aumentar o espaço para documentos, fotos e mídia com micro SD de até 1 TB.

Por fim, o dispositivo conta com bateria de 5.000 mAh e carregamento de 15 W. Nada de surpreendente aqui, e pelo menos é o mínimo que as fabricantes estão oferecendo nesse sentido.

Sistema e recursos

Galaxy A22 (Divulgação/Samsung)

Este celular sai da caixa com o Android 11 e a One UI 3.1 de fábrica. Ele não está, no momento em nenhuma lista de extensão de atualizações da Samsung, mas a sul-coreana tem atualizado a versão do sistema de seus modelos mais baratos pelo menos duas vezes, além de entregar até três anos de updates de segurança — algumas vezes trimestral.

Entre os recursos destacados no Galaxy A22 temos o suporte ao Samsung Pay — ou seja, há NFC ativado —e o leitor de impressão digital está na lateral do aparelho, junto ao botão de energia.

Galaxy A22: câmera de 48 MP

Galaxy A22 (Divulgação/Samsung)

O conjunto fotográfico da parte traseira contém quatro câmeras: principal de 48 MP (está incorreto na imagem acima, tirada do site da própria empresa), ultra wide de 8 MP, macro de 2 MP e profundidade de 2 MP. O sensor de mais alta resolução ainda traz estabilização ótica de imagem, para entregar menos tremidos com pouca luz e também nos vídeos. A câmera de selfies tem 13 MP.

A ultra wide faz imagens com campo de visão ampliado, enquanto a macro captura todos os detalhes de um objeto muito próximo e faz um desfoque no que está em volta. O sensor de profundidade faz a mesma coisa no modo retrato, que ainda registra uma imagem que pode ser editada posteriormente, para aumentar ou reduzir o efeito.

Segundo a Samsung, o Galaxy A22 ainda conta com recurso de Inteligência Artificial (IA) que proporciona uma experiência única nas funções. O modo noturno combina até 12 opções de quadros para deixar a foto mais estável e nítida em ambientes com pouca luz. Já o otimizador de cena reconhece até 20 tipos de cenários disponíveis e muda o tratamento de luz e cores conforme achar necessário. Ele alterna para “comida”, “pessoas”, “cidades” ou “textos”, a depender do tipo de cena ou objeto a ser fotografado.

Vale a pena?

No momento de lançamento, o Galaxy A22 não vale a pena. São desvantagens consideráveis em comparação com o Galaxy A32, que já está à venda por aqui há alguns meses e, atualmente, está até mais barato no varejo nacional. Se você quer um celular desta faixa de preço, vale a pena dar uma olhada no modelo acima do A22.

Onde comprar o Galaxy A22

O celular foi anunciado no Brasil pelo preço sugerido de R$ 1.900, mas já dá para encontrá-lo a valor menor no varejo. No Magazine Luiza, por exemplo, ele chegou por R$ 1.350 no dia do lançamento. Veja onde mais encontrar o Galaxy A22 para comprar no Brasil.

Veja outros lugares para comprar o aparelho

Galaxy A22: ficha técnica

Sobre

Preço sugerido* Preço oficial de lançamento sugerido pela marca R$ 1.899
Dimensões 159,3 x 73,6 x 8,4 mm
Peso 184 gramas
Cores Branco, preto, verde, violeta
Lançamento Dia em que foram iniciadas as vendas no Brasil 26 julho, 2021
Sistema Operacional SO // Todo sistema de computação roda em um software base chamado sistema operacional (SO), que controla todas as operações computacionais básicas. Os apps que instalamos precisam ser compatíveis com esse sistema. Android 11

Especificações

Tela principal Tecnologia do painel // Existem vários tipos de display no mercado, como LCD, OLED e variantes, a depender da fabricante. Telas com painel LCD/TFT costumam entregar cores mais naturais, enquanto OLED/AMOLED entregam cores mais vivas e alcançam brilho maior. Super AMOLED de 6,4" HD+ (720 x 1600 pixels)
Plataforma Plataforma ou chipset é um conjunto de circuitos integrados que, no caso do celular, inclui processador, chip gráfico e vários outros componentes cruciais para o bom funcionamento do aparelho. Mediatek Helio G80 Octa-core 12nm
Memória RAM (Random Access Memory, memória de acesso aleatório) e armazenamento interno total do dispositivo. 4/128 GB
Cartão de memória microSD
Bateria Capacidade de bateria disponível no dispositivo. Considerada a capacidade típica. 5.000 mAh
Rede Rede se refere às tecnologias de transferência de dados às quais o aparelho possui suporte. 2G, 3G, 4G, Bluetooth 5, Wi-Fi dual-band

Câmera

Principal Câmera principal é a utilizada como padrão no seu celular para tirar fotos e gravar vídeos. 48 MP, f/1.8
Ultra-wide Um sensor extra presente no celular para captar quadro com ângulo de visão aumentado. 8 MP, f/2.2, 123°
Macro Câmera que capta detalhes de objetos muito próximos, geralmente com distância focal de 2 até 6 centímetros, no máximo. 2 MP, f/2.4
Profundidade Câmera secundária de um celular que serve apenas para ajudar na captação de imagens com o chamado "efeito Bokeh", ou seja, fundo desfocado. 2 MP, f/2.4
Vídeo Resolução máxima de captação de vídeo com a câmera traseira e taxa de quadros. 1080p@30fps
Frontal Câmera responsável pela captação de fotos e vídeos "selfies" 13 MP, f/2.2, 1080p@30fps

Por Felipe Junqueira

Jornalista desde 2009, com passagens pelo site da revista Placar (09–14), Melhores Celulares, TudoCelular e, atualmente, Canaltech. Criador do Nanobits, que estreou como canal no YouTube em setembro de 2018 com o nome de Cebolasalhos, alterado em 20 de fevereiro de 2019.

Sair da versão mobile